login
O que fazer com o seu 13º Salário?
Publicado 24 Novembro, 2015
O que fazer com o seu 13º Salário?
Ricardo Rolim Ricardo Rolim Ademir Cruz Ademir Cruz
Educação Financeira
Comentários 0 Comentários

Com a chegada do final do ano, muitos trabalhadores estão programando um destino para o 13º salário. Assim, o Minuto Dinheiro quer dar algumas dicas sobre o que você pode fazer com esse suado e esperado dinheiro.

1. Elimine suas dívidas.

Em primeiro lugar, verifique suas dívidas. Está no cheque especial? Está com a fatura do cartão de crédito atrasada? Possui contas vencidas? Se para qualquer dessas perguntas a(s) resposta(s) for(em) SIM, recomendamos que utilize o 13º para liquidar todas as dívidas, ou pelo menos uma delas – a que possui a maior taxa de juros.

Caso você não esteja na situação acima, parabéns! Você já parte do grupo de pessoas que estão conseguindo manter suas contas em dia. Apenas para se ter ideia, de acordo com a Serasa Experian, no último mês de outubro a inadimplência no cheque foi a maior desde 1991. Ainda de acordo com a Serasa Experian, no acumulado até agosto desse ano a inadimplência já havia subido 16,9%, em relação ao mesmo período de 2014.

Se você estiver endividado, não deixe de ler o que já escrevemos a respeito aqui no blog, nos artigos 5 dicas para sair do vermelho e Equilíbrio no orçamento familiar.

2 – Monte sua reserva para emergências

Caso você esteja livre das dívidas, que tal com o seu 13º começar a montar uma reserva para emergências?

É importante contar com uma reserva para os imprevistos que podem acontecer. Para entender melhor como montar uma reserva para emergências, leia o que já escrevemos a respeito, clicando aqui

3 – Invista seu 13º e faça ele dobrar de valor.

Se você está livre das dívidas e já possui uma reserva para emergências, a dica do Minuto Dinheiro é aplicar no Tesouro Direto. Se você não sabe como funciona o Tesouro Direto, pode aprender clicando aqui. Quanto à aplicação para o seu 13º, ela varia de acordo com os objetivos de cada um.

Porém, uma boa recomendação é aplicar no Tesouro Prefixado 2021. Esse título, com resgate programado para 01/01/2021, está com prêmio de juros de 15,15% aa. Apenas como simulação, se você aplicar na data de em que escrevemos esse artigo (24/11/2015) R$ 1.000,00, irá resgatar na data do vencimento do título o valor bruto de R$ 2.047,33. Descontando-se o IR de 15% sobre os rendimentos, bem como taxas, o valor líquido estimado seria de R$ 1.870,00, que significa uma rentabilidade líquida de 13,10% aa. É uma boa rentabilidade, principalmente quando comparada com a caderneta de poupança, que atualmente remunera os depósitos em 0,6882% am, quer dizer, não acompanhar sequer a inflação.

Por tudo isso que foi explicado, é importante que antes de investir e não correr grandes riscos que você procure se informar, estudar e conhecer melhor onde vai colocar seus investimentos. Procure um consultor financeiro. Nós do Minuto Dinheiro estamos a sua disposição. Entre em contato conosco pelo e-mail atendimento@minutodinheiro.com.br e agende uma entrevista.


O texto reflete a opinião do(s) autor(es). O Minuto Dinheiro não se responsabiliza por lucros ou prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso destas informações.

Ricardo Rolim, formado em Administração de Empresas, Consultor financeiro e um curioso em investimentos no mercado de ações e no Tesouro Direto, onde mantém aplicações.

 

PORQUE O SEU TEMPO É DINHEIRO!
Receba novas publicações no seu email. Diretamente para você a cada semana.
Dicionário Financeiro

Digite um termo para visualizar o seu significado.